Language:
Texto original escrito em inglês. Todas as traduções foram feitas usando IA
00:00

Substituição total do ombro: Ombro Reverso Lima SMR para fratura do úmero proximal

ver:

Visão geral

Inscreva-se para obter acesso total a essa operação e ao extenso Atlas de Cirurgia da Ombro e cotovelo.

TESTE GRATUITO


É notoriamente difícil obter um bom resultado funcional em pacientes mais velhos com fraturas cominutivas deslocadas do úmero proximal tratadas cirurgicamente. Nos últimos anos, os cirurgiões de ombro consideraram que essa lesão deveria ser tratada como uma fratura com deficiência do manguito rotador e, portanto, têm usado substituições totais de ombro de geometria reversa com uma bola protética na glenoide (a glenosfera) e um soquete no lado umeral de uma construção semiconstruída. Isso medializa o centro de rotação e aumenta o braço de momento no qual o grande músculo deltoide pode trabalhar na ausência dos tendões do manguito rotador que normalmente se inserem ao redor do úmero proximal. O principal objetivo do projeto da artroplastia reversa do ombro foi abordar o difícil problema da artrite no ombro deficiente do manguito rotador, a chamada artropatia por ruptura do manguito, que se apresenta como uma condição crônica. Esses implantes têm sido amplamente utilizados nos últimos 30 anos, ganhando popularidade de tal forma que ultrapassaram o número de substituições anatômicas de ombro realizadas.

Maisrecentemente, os mesmos implantes têm sido usados para tratar fraturas deslocadas cominutivas do úmero proximal. Tradicionalmente, essas fraturas têm sido associadas a resultados relativamente ruins quando tratadas de forma conservadora ou com fixação interna. Esta última foi facilitada significativamente com placas de bloqueio do úmero proximal com contornos, mas ainda assim essa cirurgia em osso osteoporótico é tecnicamente difícil e frequentemente associada a resultados ruins. Um risco significativo é a necrose avascular da cabeça umeral e a reabsorção das tuberosidades com a consequente disfunção do manguito rotador, imitando a artropatia por ruptura do manguito, daí a adoção da artroplastia de geometria reversa.

Uma alternativa seria considerar a reconstrução por hemiartroplastia do úmero proximal usando uma prótese de hemiartroplastia com haste com reconstrução das tuberosidades ao redor do implante. Nesses casos, o problema significativo é que as tuberosidades se reabsorvem e o paciente fica com um espaçador de metal e um ombro com deficiência do manguito rotador.

As empresas de implantes desenvolveram implantes de geometria reversa específicos para fraturas, adaptados para essa tarefa. O Lima SMR é um deles, como parte do espectro de opções disponíveis em seu sistema de plataforma. Ele usa a mesma glenosfera e haste umeral (cimentada ou não cimentada) que a prótese com haste para artropatia de ruptura do manguito, mas tem um módulo de corpo de trauma adicionado à haste umeral que incorpora orifícios para a passagem de suturas para reparar pequenos fragmentos residuais de osso e restos do manguito rotador.

Embora existam algumas evidências em publicações esporádicas, ainda não temos evidências concretas de nível 1 de que a artroplastia de geometria reversa nesses casos seja confiável e significativamente melhor do que o tratamento conservador, a fixação interna ou a reconstrução por hemiartroplastia; no entanto, há estudos em andamento para tentar resolver a questão. Curiosamente, a maioria dos cirurgiões de ombro tem muitos exemplos de bons resultados da artroplastia de geometria reversa nesses casos.

Autor: Mark Crowther FRCS (Tr & Orth)

Instituição: The Avon Orthopaedic centre, Bristol, UK.

Os médicos devem buscar esclarecimentos sobre se qualquer implante demonstrado está licenciado para uso em seu próprio país.

Nos EUA, entre em contato com: fda.gov
No Reino Unido, entre em contato com: gov.uk
Na UE, entre em contato com: ema.europa.eu

Credenciamentos

Logo Logo Logo Logo Logo Logo Logo Logo Logo

Associates & Partners

Logo Logo Logo Logo Logo Logo Logo
Textbook cover image Voltar para
Livro-texto Orthosolutions Roundtable